Arquivo do mês: dezembro 2008

Com prazo de validade renovável

Publicado em Xilo | Deixar um comentário

A incrível traição da mulher do Ricardão

Linóleogravura para a capa do cordel do título, de Gonçalo Ferreira da Silva.

Publicado em Xilo | Deixar um comentário

Pragas Brasileiras

Xilo para capa do cordel Pragas Brasileiras a ser editado pela editora Queimabucha. As três pragas desse cordel são Favela, Morador de rua e Fome, e se encontram nesse blog, com pequenas diferenças. Sabe como é, enquanto o texto não … Continue lendo

Publicado em No cordel | Deixar um comentário

Casamento judeu

Publicado em Xilo | Deixar um comentário

O estado caótico

Tinta acrílica sobre tela. 1,90mx1,50m.

Publicado em Artes plásticas | Deixar um comentário

Ops!

Publicado em Criação | Deixar um comentário

Linóleografia

Linóleogravura para o cordel A Pérola Sagrada. É a mesma coisa que uma xilogravura, mas em borracha. A placa de borracha comprei numa loja que vende material para calçado e ela tem um nome diferente que até esqueci, mas é … Continue lendo

Publicado em Xilo | 1 comentário

Sem control Z

O poeta de cordel com mais de sessenta anos é uma das últimas figuras que ainda usa máquina de escrever. Por todo lugar que passo e de todas as pessoas que conheço, só num lugar consigo ver uma pessoa batendo … Continue lendo

Publicado em Xilo | Deixar um comentário

O Sol mocinha

Ganhei uma matriz virgem de J. Borges e imprimi. Por essa eu nunca esperava.

Publicado em Xilo | 2 comentários

À quatro mãos

Desenho: Jô Oliveira Talho na madeira: J. Borges e Pablo Borges Impressão: eu J. Borges despresa a goiva em V e trabalha os contornos com uma faca de cozinha afiada num esmeril, por isso consegue esses cortes secos e gráficos.

Publicado em Xilo | Deixar um comentário